Provas de redação aplicadas em concursos de Tribunais de Justiça

TJBA – 2014 – Jornalismo

Informações sobre o concurso

Órgão: Tribunal de Justiça da Bahia

Ano: 2014

Cargo: Analista Judiciário – Comunicação com Habilitação em Jornalismo

Banca: FGV

 

Prova de Redação – TJBA 2014 – Jornalismo

É motivo de pública discussão a adoção de novas regras para os meios de comunicação. O objetivo declarado dos defensores da ideia é regulamentar os artigos da Constituição que tratam da comunicação social enquanto os críticos da iniciativa argumentam que por trás dessa mobilização pode existir a intenção de controlar a imprensa e tolher a liberdade de expressão.

Nossa Constituição, por outro lado, diz o seguinte:

Art. 220. Veda a censura e diz que a lei não pode criar embaraço à liberdade de informação jornalística
Art. 220. Proíbe monopólios e oligopólios nos meios de comunicação
Art. 221. Diz que a lei definirá cotas para produção regional
Art. 222. Impõe limites à participação de estrangeiros no setor

E você, de que lado fica? Explique o que pensa sobre o tema, em texto expresso em língua culta, de no mínimo 20 e no máximo 30 linhas, cuidando especialmente da estrutura textual e dos argumentos utilizados na defesa de sua posição.

 

Dicas da Oficina

Antes de começar a escrever, pesquise sobre o tema e anote os argumentos relevantes que encontrar.

Na hora de escrever, simule o ambiente de prova. Escreva em uma folha de redação numerada, cronometre o tempo e não se distraia. Isso fará com que você fique menos ansioso durante a prova oficial.

Corrija suas redações. Você pode pedir a um amigo, a um professor ou pode enviar seus textos para a equipe da Oficina de Redação. Nossos Planos de Correção Detalhada são praticamente cursos particulares de redação, pois identificamos e damos instruções para você corrigir todos os erros que cometer. É comum os nossos alunos garantirem notas acima de 90,0 pontos e escreverem textos excelentes em cerca de 1 hora.

Independentemente da alternativa que você escolher, corrigir os erros antes da prova é o que garantirá a sua aprovação, portanto, não deixe de fazer isso.