TCU – 2013


Informações sobre o concurso

Órgão: Tribunal de Contas da União

Ano: 2013

Cargo: Auditor Federal de Controle Externo

Área: Controle Externo

Especialidade: Auditoria Governamental

Banca: CESPE

 

Orientações da banca

• Nesta prova, faça o que se pede, usando, caso deseje, os espaços para rascunho indicados no presente caderno. Em seguida, transcreva os textos para o CADERNO DE TEXTO DEFINITIVO DA PROVA DISCURSIVA, nos locais apropriados, pois não será avaliado fragmento de texto escrito em local indevido.

• Na questão, qualquer fragmento de texto que ultrapassar a extensão máxima de linhas disponibilizadas será desconsiderado. Será também desconsiderado o texto que não for escrito na(s) folha(s) de texto definitivo correspondente(s).

• No caderno de texto definitivo, identifique-se apenas no cabeçalho da primeira página, pois não será avaliado texto que tenha qualquer assinatura ou marca identificadora fora do local apropriado. Caso queira assinar seus textos, utilize apenas o nome Auditor Federal. Ao texto que contenha outra forma de identificação será atribuída nota zero, correspondente à identificação do candidato em local indevido.

• Na questão, ao domínio do conteúdo serão atribuídos até 40,00 pontos, dos quais até 2,00 pontos serão atribuídos ao quesito apresentação (legibilidade, respeito às margens e indicação de parágrafos) e estrutura textual (organização das ideias em texto estruturado).

 

Prova de Redação – TCU 2013

O Ministério da Integração Nacional determinou o cancelamento de concorrência para a compra de 187,5 mil cisternas de plástico, ao custo estimado de quase R$ 600 milhões. A licitação havia sido suspensa por uma decisão liminar do Tribunal de Contas da União (TCU). O Ministério tomou a decisão após consultar o TCU.

(O Globo, 4/9/2013, p. 7 (com adaptações))

 

Considerando que o fragmento de texto acima tem caráter unicamente motivador, redija um texto dissertativo acerca do zelo pelos recursos públicos como condição inerente ao ideal republicano. Ao elaborar seu texto, aborde, necessariamente, os seguintes aspectos:

– o patrimonialismo e a propriedade dos recursos públicos; [valor: 12,00 pontos]

– o controle dos gastos públicos; [valor: 14,00 pontos]

– os órgãos de controle como expressão da sociedade. [valor: 12,00 pontos]

 

Dicas da Oficina

Antes de começar a escrever, pesquise sobre o tema e anote os argumentos relevantes que encontrar. Selecione opiniões contrárias e favoráveis ao assunto, exemplos, dados estatísticos e verifique se a legislação brasileira fala algo sobre o tema.

Na hora de escrever, simule o ambiente de prova. Escreva em uma folha de redação numerada, cronometre o tempo e não se distraia. Isso fará com que você fique menos ansioso durante a prova oficial.

Peça a alguém para corrigir suas redações. Você pode pedir a um amigo, a um professor ou pode enviar seus textos para a equipe da Oficina de Redação. Se você adquirir um dos nossos Planos de Correção, faremos comentários sobre os erros cometidos e daremos dicas para você corrigi-los.

Independentemente de qual alternativa escolher, corrigir os erros antes da prova é o que garantirá a sua aprovação, portanto, não deixe de fazer isso.